Blog > Gestão de pessoas> Como pôr em prática a gestão de pessoas? Confira o passo a passo!

Como pôr em prática a gestão de pessoas? Confira o passo a passo!

Como pôr em prática a gestão de pessoas? Confira o passo a passo!

 

Gestão de pessoas, na teoria, é um conceito lindo – e que se perguntado para qualquer gestor, deve ser aplicado imediatamente em qualquer empresa. Afinal, quem não quer seus colaboradores inseridos dentro do ambiente de trabalho e motivados? Mas na prática, a história é outra, visto que é necessária uma cultura forte e que realmente insira seus funcionários dentro da realidade do negócio.

> Quer saber mais sobre Gestão de Pessoas? Confira nosso guia completo sobre o assunto!

Confira algumas formas de pôr em prática a gestão de pessoas:

 

Otimizar a comunicação interna

Comunicação interna é geralmente onde as empresas mais pecam. Isso porque ela é feita de maneira unilateral, na forma de comunicado. As lideranças comunicam e não trocam. Não ouvem de volta. Para pôr em prática uma gestão de pessoas eficiente, você precisa dar espaço para que seus colaboradores possam falar e se sentirem pertencentes. É aí que você entende seus objetivos, suas dores e onde elas se sentem mais confortáveis para melhor performar. É com confiança e segurança que todos os envolvidos vão trabalhar por um objetivo em comum. Não tem espaço para ruídos, tudo é feito de maneira clara e transparente.

 

Cultivar a cultura da empresa

Cultura é o coração da empresa. São seus valores. Investir na cultura é promover uma identidade do negócio e também meios de engajar os colaboradores que a integram. Isso deve ser cultivado desde o processo seletivo. Entendendo quem você é, você atrai pessoas que estão alinhadas com seus valores – e consequentemente, com o resto do time. Elas são inseridas. Se sua empresa é flexível, contratar alguém muito apegado a uma rotina pode não ser uma boa ideia. Assim como se sua empresa funciona com rotinas bem estabelecidas, contratar alguém que valorize a flexibilidade também pode não casar. Acaba frustrando. Por isso, os valores, tanto dos profissionais, quanto os da cultura da empresa, precisam estar alinhados. Evita atritos e aumenta as chances de uma equipe motivada e engajada.

 

Processo seletivo: como não errar na contratação

Como mencionamos no item anterior, para casar um funcionário com a sua cultura, o esforço precisa começar na contratação. Isso reverbera na retenção de talentos, manutenção de equipe e entrosamento, além de custos elevados com vai e vem de processos seletivos. Deve ser levado em consideração não só o desempenho do profissional e seu conhecimento, mas o quanto ele se encaixa nos seus valores. Assim, haverá menos chances de ter surpresas no meio do caminho.

 

Desenvolvimento: como manter talentos

Mais do que manter todo mundo motivado, você tem que criar o ambiente para que seus colaboradores possam crescer. Feedbacks podem ser ótimas ferramentas para mostrarem o interesse da empresa no desenvolvimento do time. Outro ponto é dar aos seus funcionários uma clara visão dos caminhos que poderão seguir na empresa, ou seja, desenvolver um plano de carreira. A partir dele e das competências exigidas e descritas para cada cargo, os profissionais terão noção dos passos que precisam tomar para avançar, assim como terão as expectativas alinhadas com o que a empresa está disposta a oferecer.

 

> Nós temos um e-book sobre Gestão de Pessoas. Complete sua leitura com diferentes formatos Ticket. Baixe gratuitamente aqui!

Usamos cookies para obter informações estatísticas, melhorar sua experiência de navegação e para personalizar conteúdos e anúncios. Para mais informações, acesse nossa Central de Privacidade.